Desafio cinematográfico Faltou Foco: Janeiro

Desafio cinematográfico Faltou Foco: Janeiro

Mais um desafio que me propus esse ano assim que tomei conhecimento. O pessoal do blog Faltou Foco propôs no início desse ano que assistamos à 52 filmes nas 52 semanas do ano. Eu não tenho o hábito de assistir filmes e só o faço esporadicamente, então vejo aqui uma ótima oportunidade para inserir esse em minha vida.

Te convido a também participar e compartilhar suas experiências e filmes com a comunidade cinéfila! As formas de participação, com temas e regras, estão neste link: http://faltoufoco.com/challenge-2017-desafio-cinematografico-52-filmes-para-52-semanas/

Eu vou seguir a ordem proposta por eles, então aqui estão os primeiros filmes que assisti esse mês de Janeiro. Lembre-se, caso não queira ver a sinopse do filme, basta ler apenas o “Minha opinião”:

1 – Distopia antes dos anos 2000: Mad Max (1979)
mv5bndkzmwiwzgitytgyny00ztu0lwe0ngmtyjaynzuymje2mge2xkeyxkfqcgdeqxvymtqxnzmzndi-_v1_ux182_cr00182268_al_Sinopse: Num futuro próximo, o combustível que alimenta os motores dos carros é também motivo para crimes perpetrados por violentas gangues. Max é um jovem policial e junto com seus companheiros patrulha as estradas a fim de impedir a ação daqueles que insistem em perturbar a paz. A morte de um membro pelas mãos de Max dá início a uma série de crimes cruéis cometidos contra sua família e o melhor amigo. Assim, Max só tem uma escolha: vingança.

Minha opinião: Os 30 primeiros minutos foram um sofrimento, mas quando começa a ação é ação até o final! Assisti dublado e pode ter sido esse o meu maior erro. Tudo que posso dizer é: paciência no começo, depois fica ótimo!

2 – Um musical contemporâneo: Dream Girls (2007)

200px-dreamgirls

Sinopse: Detroit, década de 60. Curtis Taylor Jr. (Jamie Foxx) é um vendedor de carros, que sonha em deixar seu nome marcado no mundo da música. Ele deseja abrir sua própria gravadora, mas ainda não tem o formato e o produto certo para vender ao público. Curtis encontra o que procura ao conhecer o grupo The Dreamettes, formado pelas cantoras Deena Jones (Beyoncé Knowles), Lorrell Robinson (Anika Noni Rose) e Effie White (Jennifer Hudson). Elas se apresentam em um show de talentos local, usando perucas baratas e vestidos feitos em casa. Suas vidas mudam quando Curtis, já seu agente, consegue que elas façam o backup do show de James “Thunder” Early (Eddie Murphy), o pioneiro de um novo som em Detroit. Posteriormente o grupo alça vôo solo, mudando de nome para The Dreams. Porém Curtis sabe que para alcançar o sucesso o grupo precisará apostar na beleza provocante e tímida de Deena, mesmo que tenha que deixar de lado a voz potente de Effie.

Minha opinião:  Agora sim eu entendo a grande devoção do porque o musical é tão aclamado. Bom do começo ao fim, a todo momento me peguei torcendo pelos personagens! Recomendo a todos!

3 – Um musical vintage (anterior aos anos 90): Grease (1978)

grease_ver2

Sinopse: Na Califórnia na década de 50, Danny (John Travolta) e Sandy (Olivia Newton-John), um casal de estudantes, trocam juras de amor mas se separam, pois ela voltará para a Austrália. Entretanto, os planos mudam e Sandy por acaso se matricula na escola de Danny. Para fazer gênero ele infantilmente lhe dá uma esnobada, mas os dois continuam apaixonados, apesar do relacionamento ter ficado em crise. Esta trama serve como pano de fundo para retratar o comportamento dos jovens da época.

Minha opinião: Sinceramente não gostei muito do filme, mas foi bom ver esse clássico. Conhecia as músicas mais conhecidas de vídeos separados no youtube e de ouvir em rádios, e agora elas fazem bem mais sentido.

4 – Um filme lançado quando você tinha 5 anos: The Birdcage (1996)

250px-birdcage_imp

Sinopse: Armand (Robin Williams), dono de um “drag nightclub”, é homossexual assumido e vive com a estrela (Nathan Lane) da sua casa noturna. Quando seu filho (Dan Futterman) diz que vai se casar com a filha (Calista Flockhart) de um senador (Gene Hackman) e que os pais da noiva decidem conhecer a família, as confusões para manter as aparências começam.

Minha opinião: Fechei com chave de ouro né? Cultura Drag, comédia e drama tudo misturado! Ri do início ao fim com a atuação impecável dos atores. Deu uma agonia gostosa que senti enquanto assistia ao  filme.

FINALMENTE

Assistir a esses filmes foi uma experiência maravilhosa e já estou ansioso para ver os do mês de Fevereiro. Já escolhi os próximos 4 filmes e te convido a participar desse desafio super legal. Espero que tenham gostado da dica, até mais!

Fonte das sinopses: www.AdoroCinema.com

Fonte das imagens: Google Imagens

Anúncios

2 comentários sobre “Desafio cinematográfico Faltou Foco: Janeiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s